terça-feira, 18 de outubro de 2016

Uma canção para Pedro Dias


Esse excelente moço, filho de gente bem, que só anda a matar umas pessoazitas do povoléu, sem importância, mas a quem é proibido ferrar um tiro nos cornos.
Porque se o agente da GNR ou da PSP, mal pago e desprezado, lhe meter um balázio na puta da cachola, vai para o xilindró, ante a fúria dos louçãs e dos zé mários.
Graças às leis boazinhas de esquerda que temos, este sociopata andou toda a vida à solta, a roubar e aterrorizar. Agora começou a matar. Mas ai de quem tocar no menino.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Chamamos a atenção para que comentários com ordinarices, insultos, má-educação, serão automaticamente aprovados. São especialmente bem-vindas ameaças de cargas de porrada, processos judiciais e tiros nos cornos. Grato!